Página inicial | Mapa do site
EMERGÊNCIAS | SOS USUÁRIO | INFORMAÇÕES 24H: 0800 021 0278
  • BR-116/RJ TERÁ INTERVENÇÃO NO TRÁFEGO EM ALGUNS TRECHOS ENTRE QUARTA˗FEIRA E SÁBADO


    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) avisa aos usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) que, entre esta quarta-feira (13/12) e sábado (16/12), haverá intervenção no tráfego nos quilômetros 137,1 (Jardim Anhangá sentido Além Paraíba) 125,8 (Suruí sentido Rio), 78,4 (Fonte Santa sentido Além Paraíba) e 63,5 (Parque Boa Vista sentido Rio). Essa medida é necessária para a instalação de analisadores de tráfego da Polícia Rodoviária Federal ˗ PRF.
    Na quarta˗feira o serviço acontece no km˗137,1, com interdição de uma das faixas e tráfego fluindo em meia pista a partir das 20h. No dia 14, a intervenção será no km˗125,8 também com tráfego em meia pista, a partir das 12h. Na sexta˗feira, haverá sistema de pare e siga no km˗78,4, a partir das 10h e, no sábado, no km˗63,5 também terá pare e siga a partir das 10h.
    Embora as intervenções estejam sujeitas às boas condições de trafegabilidade da via, a CRT sugere aos usuários para que planejem seus deslocamentos com antecedência, em função de possíveis retenções. Os locais estarão devidamente sinalizados e equipes da CRT serão mantidas no trecho para orientação dos motoristas. Para outras informações os usuários da BR-116/RJ devem ligar nos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

  • TRECHOS DA BR-116/RJ TERÃO INTERVENÇÃO PARA INSTALAÇÃO DE RADARES ATÉ 13 DE DEZEMBRO

    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) avisa os usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) que até 13 de dezembro, serão instalados radares nos quilômetros 1,9 (Cortiço), 53,5 (São José do Vale do Rio Preto), 78,6 (Fonte Santa), 91,1 (Parada Santa), 101,2 (Monte Olivetti) e 104,4 (Guapimirim). Para tanto, haverá períodos de implantação do sistema pare e siga nos quilômetros 1,9; 53,5; 78,6 e 91,1, assim como de meia pista nos quilômetros 101,2 e 104,4. Essas intervenções acontecerão sempre dentro no horário das 8h às 19h.
    Embora as intervenções estejam sujeitas às boas condições de trafegabilidade da via, a CRT sugere aos usuários para que planejem seus deslocamentos com antecedência, em função de possíveis retenções. Os locais estarão devidamente sinalizados, com equipes da CRT atuando na orientação dos motoristas. Para outras informações os usuários da BR-116/RJ devem ligar nos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

  • BR-116/RJ TERÁ PARE E SIGA EM TRECHO DA SERRA PARA RECUPERAÇÃO DO PAVIMENTO ATÉ 15 DE DEZEMBRO

    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) avisa os usuários da rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) que até 15 de dezembro, haverá intervenção no tráfego da serra de Teresópolis entre os quilômetros 90 e 91 no sentido Teresópolis e do 92 ao 93, na pista para o rio de janeiro, com implantação de pare e siga, das 8h às 20h. Essa medida é para permitir a realização do serviço de recuperação do pavimento. Nos finais de semana o pare e siga será suspenso.
    Embora as intervenções estejam sujeitas às boas condições de trafegabilidade da via, a CRT sugere aos usuários para que planejem seus deslocamentos com antecedência, em função de possíveis retenções. Os locais estarão devidamente sinalizados e equipes da CRT serão mantidas no trecho para orientação dos motoristas. Para outras informações os usuários da BR-116/RJ devem ligar nos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

  • BR-116/RJ TERÁ TRECHOS DE ACOSTAMENTO FECHADOS PARA OBRAS DE CONTENÇÃO

    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) avisa aos usuários da BR-116/RJ que ocorrerá o fechamento do acostamento para obras de contenção de encosta, nos quilômetros 73,7 e 73,8, na localidade de Três Córregos, sentido Rio de Janeiro, onde será mantido até 23 de fevereiro de 2018 e, no km- 30,3 (Aparecida), sentido Teresópolis, até 22 de junho. O serviço acontecerá diariamente, entre 8h e 17h, mas o acostamento permanecerá interditado 24h até o término das obras. A CRT esclarece que os motoristas que seguem do Rio de Janeiro para Teresópolis não passam por esse trecho.
    Embora as intervenções estejam sujeitas às boas condições de trafegabilidade da via, a CRT sugere aos usuários para que planejem seus deslocamentos com antecedência, em função de possíveis retenções. Os locais estarão devidamente sinalizados e equipes da CRT serão mantidas no trecho para orientação dos motoristas. Para outras informações os usuários da BR-116/RJ devem ligar nos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

  • RUA LATERAL NO KM-67,5 DA BR-116/RJ FICARÁ EM MEIA PISTA ATÉ 28 DE MARÇO

    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) avisa os usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) que, até 28 de março do próximo ano, a rua lateral no km- 67,5 dessa via, na localidade de Pessegueiros, terá tráfego em meia pista. Essa medida é para permitir a manutenção de encosta ali existente.
    A Concessionária sugere que os usuários planejem os seus deslocamentos com alguma antecedência em função de possíveis retenções. O local com intervenção estará devidamente sinalizado e equipe da CRT atuará na orientação dos motoristas.

  • CRT ALERTA A USUÁRIOS DA BR-116/RJ PARA QUE REDUZAM A VELOCIDADE NO KM-80,3


    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) alerta os usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) para que trafeguem em velocidade reduzida em ambos os sentidos no km-80,3 (Ermitage), onde há a implantação de sinalização emergencial no Trevo do Residencial Ermitage composta por seis redutores de velocidade, sinalização horizontal e vertical de desvio de eixo e regulamentação assim como de supercones indicativos de traçado com iluminação noturna.
    O local está devidamente sinalizado, com equipes da CRT orientando o tráfego de veículos. Outras informações podem ser obtidas pelos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

Perguntas Frequentes | Pedágio | Tráfego | Engenharia | Passagem Automática

 

Práticas esportivas e ciclovia

Velocidade permitida

Sinalização

Animais apreendidos

Distância mínima para construção de acessos 

Telefones de emergência

Cobrança por atendimento de guincho

Indicação de serviços particulares

Imprudência de motoristas e competência constitucional da PRF

Procedimento de guinchamento até o posto de combustível 24h

Autorização para atividades comerciais dentro da faixa de domínio

 

  • Práticas esportivas e ciclovia

Práticas esportivas em rodovias não são adequadas, especialmente, em trechos de pista simples. Esclarecemos que o Contrato de Concessão, que rege a administração da CRT, não prevê a construção de ciclovia em trechos da Rio-Teresópolis-Além Paraíba.

 

  •  Velocidade permitida

I - A velocidade máxima permitida na Rio-Teresópolis-Além Paraíba varia entre 40 km/h e 110 km/h, de acordo com a característica de cada trecho, devendo ser reduzida em áreas urbanas e escolares. A velocidade informada na placa de sinalização deve ser respeitada até que surja outra ou que se percorra 500 metros da última placa indicativa de velocidade reduzida.

II - O trecho da Baixada Fluminense entre o município de Duque de Caxias no entroncamento com a BR-040 (km-144) e a praça de pedágio em Bongaba (km-133,5), por ser uma região onde existem comunidades instaladas próximas à rodovia, a velocidade máxima permitida é de 80 km/h. Já, entre o pedágio de Piabetá (km-133,5) e o acesso a Guapimirim (km-104), existem locais onde a velocidade de 110 km/h é permitida, devendo ser reduzida em curvas acentuadas, locais de travessia de pedestres e próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

 

  •  Sinalização

A sinalização na rodovia segue os padrões e as determinações explicitados no Contrato de Concessão e está submetida à fiscalização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e às normas do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) e do Código Nacional de Trânsito.

 

  •  Animais apreendidos

A apreensão de animais nas rodovias federais é feita pela Polícia Rodoviária Federal e, no caso dos apreendidos na região da Rio-Teresópolis-Além Paraíba, há o encaminhamento ao Curral de Apreensão de Seropédica, para posterior retirada por seus donos.

Cabem aos proprietários dos animais a responsabilidade por quaisquer danos a terceiros, lesões corporais ou mortes provocados pelos mesmos, inclusive, nos limites da rodovia, conforme previsto pela legislação vigente nas esferas Cível e Criminal.

Curral de Apreensão de Seropédica
End.: Estrada Reta de piranema, nº 652 - Piranema  - EJ 099 - Seropédica - RJ
-Telefones para contato: (21) 3781-2753 / 3631-7680 / 983750312 / 7884-4557
E-mail: curraldeapreensãoseropedica@hotmail.com

 

  • Distância mínima para construção de acessos e saída de veículos na rodovia

Segundo o Manual de Acesso de Propriedades Marginais a Rodovias Federais do DNIT, a distância mínima de um acesso para um posto de pesagem, pedágio ou Polícia Rodoviária Federal, deve ser de mil metros.

 

  •  Telefones de emergência (callboxes)

Na Rio-Teresópolis-Além Paraíba estão instalados 100 aparelhos de callboxes, sendo 40 no trecho da Baixada Fluminense, 15 na Serra e 45 entre Teresópolis e Além Paraíba.

 

  •  Cobrança por atendimento de guincho da concessionária

É terminantemente vedado aos funcionários da CRT ou de prestadores de serviços, que atuam no auxílio aos usuários, o recebimento de qualquer quantia, sob qualquer pretexto, mesmo que a título da demonstração de satisfação. Os funcionários de prontidão na via podem ser facilmente identificados, pois trabalham uniformizados. Vale destacar que a prestação destes serviços está contemplada na tarifa de pedágio.

 

  •  Indicação de serviços de particulares

Todos os funcionários da CRT são treinados para prestar o melhor atendimento possível aos usuários. Em caso de solicitações de serviços particulares, como mecânicos, táxi e guincho, há a orientação para que estes não façam indicações, evitando-se vínculos com terceiros. Se ocorrer o desrespeito a esta norma, solicitamos que este seja comunicado à concessionária, com identificação do funcionário e, se possível, indicação do dia, da hora da ocorrência e da placa do veículo, quando houver, para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

 

  •  Imprudência de motoristas e competência constitucional da PRF

Somente a Polícia Rodoviária Federal (PRF) tem competência constitucional para impor limitações ao tráfego de pessoas e veículos nas rodovias federais, assim como para aplicar multas. Desta forma, imprudências de motoristas observadas no trecho devem ser comunicadas às unidades da PRF instaladas nas vias.

 

Postos
Três Córregos: BR-116/RJ, km 71, Três Córregos - Teresópolis - RJ - CEP: 25900-000. Telefone: (21) 2742-4126
Bongaba: BR-116/RJ, km 133, Bongaba - Magé - RJ - CEP: 25930-530 - Telefones: (21) 2676-1600 ou 2679-2001

Delegacia
4ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal - BR-116/RJ, km 122, Santa Guilhermina - Magé - RJ - CEP: 25900-000. Telefone: (21) 3632-2486

 

 

  •  Procedimento de guinchamento até o posto de combustível 24h

 Ao longo do trecho sob concessão da CRT, existem postos de combustível 24h, pré-estabelecidos para receberem os veículos atendidos com algum tipo de pane. Nestes locais, os usuários ficam em segurança e podem acionar os recursos necessários para solução dos problemas. Esta providência atende o Contrato de Concessão, com o objetivo de agilizar o atendimento a um maior número de usuários e de permitir a retirada dos veículos do acostamento, onde estão expostos a perigos.

 

  •  Autorização para atividades comerciais dentro da faixa de domínio da rodovia

Pelo Contrato de Concessão não são permitidas atividades comerciais na faixa de domínio da rodovia.

 

Voltar ao topo

 
CRT - Concessionária Rio-Teresópolis © Copyright 2010 - Todos os direitos reservados. | Webmail